Arquivo de Noticias - Fevereiro de 2017


Terça-feira 28.2 2017 (às09h00) TMG

Notícias da Comunidade do Estado do Pará - Brasil
- Loriguenses genuínos de Loriga ainda vivos -

Um registo curioso que aqui nesta minha página documento, apresentando a Lista dos loriguenses genuínos de Loriga ainda vivos, daquela que chegou a ser a maior comunidade da gente da nossa terra a viver no estrangeiro, concretamente no estado do Pará norte do Brasil, onde no século XIX ali se começou a radicar, atingindo na verdade um elevado número de loriguenses, hoje reduzido apenas a 16 nossos conterrâneos naturais de Loriga, que aqui documento os seus nomes.

Embarque - Viagem para o Brasil de Barco

-. Antonio Nunes Brito
- Carlos Lopes de Moura
- Antonio Jorge dos Santos
- José dos Santos Ferrito
- Mario Pinto Lucas
- Filomena Lucas
- Maria Helena Conde
- Lucilia Conde
- Maria Helena Galvão
- Fernando Moura Marques
- Maria Helena Brito Fonseca
- Maria Regina Brito Maués
- Emilio Pinto Lucas


- Antonio Moura Carreira (filho da Mário Fernandes Carreira e Alzira Brito Moura Carreira, nascido oacionalmente na Figueira da Foz)

- Artur Amaral (*)
- Pedro "Cozinha" (*)


(*) Não se tem notícias se ainda estão vivos


Segunda-feira 27.2 2017 (às15h00) TMG

Pelo recanto do meu olhar
- Um fim-de-semana em Loriga -

Na minha curta passagem por Loriga, foi digno de ver ter sido um fim-de-semana movimentado, os dias primaveris que se fizeram representar, atraiu a Loriga muitos visitantes, supostamente muitos deles de visita à Serra da Estrela, que assim sendo o movimento de viaturas e pessoas em Loriga foi de facto de saudar.

Tive a oportunidade de falar com um casal de visitantes, no momento que me pediram uma informação, podendo constatar que vindo de longe estando de visita à serra e tendo uma informação do Festival do Cabrito que estava a decorrer num dos restaurantes da nossa terra, neste caso o Restaurante "Império" resolveram visitar Loriga o que aconteceu pela primeira vez, pois estavam ansiosos de saborearem um desses ex-líbris da nossa terra e da região, que muito já ouviram falar.

Também na Senhora da Guia estavam acampados um grupo de escuteiros, que provavelmente aproveitaram para fazer algumas aventuras e caminhadas, possivelmente bem informados e conhecedores de tão belas e magnificas paisagens para aproveitaram admirar tão belos cenários.

Tudo isto com um clima convidativo, que na verdade tornou bem diferente um fim-de-semana de um mês de fevereiro já muito perto do fim e que tive o privilégio de constatar estando presente.


Domingo 26.2 2017 (às21h00) TMG

Feira do queijo Serra da Estrela
- Seia 2017 -

Esta a ser realizado neste fim-de-semana em Seia, a anual Feira do Queijo da Serra da Estrela 2017, certame que está atrair muitos visitantes e como não poderia deixar de ser Loriga está também a ser representada com os seus produtos de renome e tradição e sempre muito apreciados, onde se destaca estre outros a presença da Confraria da Broa e do Bolo Negro de Loriga, que nos cumpete saudar.

Este evento para além do queijo promove os produtos regionais destacando-se o pão, os enchidos, o mel, bem como o artesanato.

Foto António Duarte Marcos - Local da Confraria e do Bolo Negro de Loriga


............................ (às10h00) TMG

Loriga do nosso encanto
- Dia Primaveril -
26.2.2017


Quinta-feira 23.2 2017 (às08h00) TMG

A Imagem Peregrina da Nossa Senhora de Fátima
- No Arciprestado de Seia -

De 5 de Março a 7 de Abril de 2017, portanto cerca de pouco mais de um mês antes das cerimónias da comemoração do Centenário da Aparição da Virgem Nossa Senhora de Fátima, em 13 de Maio de 1917, a Imagem Peregrina visitará todas as paróquias do arciprestado de Seia, permanecendo, em cada uma delas, cerca de 24 horas.
A chegada a Seia está prevista para o dia 5 de Março, no dia seguinte a 6 de Março, começarão as visitas pelas paróquias do concelho, conforme o calendário já tornado público, fechando a romagem em São Romão no dia 6 de Abril, regressando a Seia, onde será realizada a Procissão de Velas pelas ruas desta cidade, à semelhança do que sucedeu em Setembro de 2015 (naquela que foi a maior concentração de fiéis católicos já vista em Seia) sendo esta a cerimónia da despedida, terminando assim a visita Peregrina no Concelho de Seia.

De acordo com o calendário, a visita Peregrina da Nossa Senhora de Fátima a Loriga, decorrerá no dia 26 de Março, para depois no dia seguinte 27 de Março, seguir com destino a Alvoco da Serra.

Recorde-se que a primeira e suponho que única vez da visita da Virgem de Fátima Peregrina a Loriga, ocorreu em 14 de Maio de 1949, um dia histórico com a vila engalanada para receber tão ilustre visita, tendo sido a Fonte do Mouro o local escolhido para a cerimónia solene, que se tornou pequeno para receber toda a população, sendo esta visita da Virgem Peregrina à nossa terra, uma das maiores senão mesmo a maior manifestação espiritual e da mais profunda interiorização cristã e humana, que ficou para sempre escrita com letra de ouro na história de Loriga e ainda na memória de muitos.


Quarta-feira 22.2 2017 (às07h30) TMG

Efeméride
Ano de 1944 - A queda do Avião militar inglês

Recordar aqui mais um efeméride da história de Loriga, é podermos dizer que faz precisamente hoje 73 anos, quando da queda do avião militar inglês, que ocorreu em Loriga, mais precisamente na montanha com o nome da "Penha do Gato", numa altura quando a 2ª. Guerra assolava ainda por toda a Europa mas, em Loriga, a vida parecia tranquila e nada fazia prever que algo viesse alterar esse cenário de acalmia, até que um certo dia que já vai longe, num Fevereiro perto do fim em que algo aconteceu.

O dia estava a chegar ao fim, e a
"Garganta e as Penhas" de Loriga começaram a ser cobertas por flocos de nevoeiro, parecendo como que algodão, apesar do dia de Céu azul que tinha estado, parecendo Primavera
Já a meia-noite tinha ficado para trás, quando se começou a ouvir o trabalhar de um forte motor de avião, parecendo voar mais baixo que as
"Penhas", também estas surpreendidas por alguém se aventurar a sobrevoar os seus domínios. A "Penha do Gato" abriu seus braços como que para os abraçar e lhes dizer que ali só ela era soberana.

Dos Loriguenses ainda acordados saíram gritos de aflição, pois se o avião estava a voar assim tão baixo, por certo iria bater em alguma
"Penha". O barulho do motor estava cada vez mais próximo e, a seguir um grande estrondo se fez sentir, não havendo dúvidas de que o avião embatera na serra. O povo ficou aterrado e, de imediato os mais corajosos partiram serra acima com destino ao local, ao chegarem ali e onde ainda tudo fumegava, compreenderam então que o inevitável tinha acontecido. O avião embatera contra as rochas, explodindo, constatando-se, então que se tratava de um avião militar estrangeiro.
Conforme consta das Certidões de Óbitos passadas pelo Registo Civil de Seia, as mortes ficaram registadas como tendo acontecido à uma e cinquenta minutos desse dia 22 de Fevereiro de 1944.

Foto de Carlos Ramos
Gente de Loriga junto dos destroços do avião militar inglês

Foto de 1.5.2014
Homenagem da Gente de Loriga, assinalando o local onde caiu o avião militar inglês


Terça-feira 21.2 2017 (às07h00) TMG

Café Restaurante "Império"
- VI Festival do Cabrito Serrano -

Tal como vem acontecendo nestes últimos anos o Café Restaurante "Império" de Loriga, leva a efeito nos próximos dias 25, 26, 27 e 28 de Fevereiro, o Festival do Cabrito Serrano este ano a celebrar a 6ª. Edição.

Um evento já de renome na região que atrai a Loriga muitos visitantes, que podem assim saborear um ex-libris da nossa terra, que a saborear assim nos mais variados sabores, ficará encantando e poderá assim consolar-se com a gastronomia loriguense na versão do cabrito genuíno, que só em Loriga poderá apreciar.

Parabéns .ao Café Restaurante
"Império" por mais este evento que engrandece a nossa gastronomia e ao mesmo tempo a nossa terra.

Café Restaurante "Império"
Av. Augusto Luís Mendes (Carreira) Nr.17
6270-075 Loriga
Telefone. 238 951203
restauranteimperioloriga@gmail.com
www.facebook.com/restauranteimperio


Bom Dia Portugal

Amadora ..........

*****

..........Wahlstedt


Segunda-feira 20.2 2017 (às09h00) TMG)


ANALOR
Assembleia Geral

Realiza-se no próximo domingo dia 26 de Fevereiro, a Assembleia Geral da ANALOR (Associação dos Naturais e Amigos de Loriga) que tem com ponto principal apresentação, apreciação e votação do relatório das contas relativo ao ano de 2016.

São sempre importantes as Assembleias Gerais das associações, sendo também importante e necessária aderência dos associados, porque é assim que espelha bem a vivência do associativismo, tendo também os associados o dever e o interesse em saber o trabalho exaustivo que os órgãos diretivos desenvolvem no movimento das colectividades.


Sábado 18.2 2017 (às10h00) TMG)

Recordar Efemérides
- Curso Unificado da Telescola em Loriga -

Numa altura que tanto se fala no ensino e da centralização dos agrupamentos escolares, podemos hoje aqui recordar uma data importante, dizendo que fez ontem 51 anos (17 de Fevereiro de 1966) que foi criado em Loriga por Portaria Nr. 21113, o Curso Unificado da Telescola (C.U.T.) matriculados no inicio 21 alunos, um curso do ensino oficial quanto à emissão e do ensino particular quanto à recepção e exploração. Uma inovação importante na época e de grande importância, nomeadamente para o interior.

Decorria o ano de 1966, em Loriga há muito, que se defendia a legítima aspiração de se fundar um estabelecimento de Ensino Secundário. A população da freguesia, e, sobretudo, a sua relativa importância industrial, justificava tal anseio. Tendo a certeza de que se tratava de uma importante oportunidade, para o ensino em Loriga, foram logo dados os passos necessários para promover esse projecto, na nossa terra.

Em Outubro de 1966, concretizou-se essa realidade, com a atribuição do Alvará à Fábrica da Igreja Paroquial de Loriga, que promoveu a criação do posto de recepção e, ao qual, foi atribuído o Nr. 234.

Resta acrescentar que foram nomeados monitores, desse curso da Telescola em Loriga, D. Amália de Brito Pina e o seu esposo Professor António Domingos Marques.

Foto Arquivo RTP


Quinta-feira 16.2 2017 (às07h00) TMG)

ANALOR
- Graduação Clube de Bronze -

A Escola de Ténis da ANALOR (Associação dos Naturais e Amigos de Loriga) foi galardoada com o "Certificado de Clube de Bronze", relacionado ao ano de 2016, pela sua distinção no desenvolvimento da modalidade a nível local, regional e nacional, prémio atribuído pela ATL (Associação de Ténis de Lisboa.

Sem dúvida um prémio merecido que contempla assim o trabalho de certa envergadura que tem sido feito e levado a cabo pelo professor Rafael e seus alunos, que me prezo aqui realçar, ao mesmo tempo congratularmo-nos ao vermos a nossa Associação loriguense com sede em Sacavém, ao estar mais uma vez em destaque no engrandecimento do seu historial.


Quarta-feira 15.2 2017 (às07h45) TMG)

Feira do queijo Serra da Estrela 2017

Vai ter lugar nos próximos dias 25, 26, 27 e 28 de Fevereiro, que à semelhança do ano anterior, realiza-se em Seia no Mercado Municipal e na área envolvente, um certame dedicado à ampla promoção do Queijo da Serra da Estrela,

Para além do queijo da serra este evento promove também os produtos regionais de reconhecido valor, como o pão, os vinhos, os enchidos, o mel, bem como o artesanato, produtos da terra, a lã e o cão da Serra da Estrela e ainda os ovinos, tudo isso envolvido num ambiente de festa, que como habitualmente são muitos os visitantes a ter como destino Seia, onde podem apreciar os saberes e sabores dos vastos produtos da região.

Como é habitual, Loriga vai estar também representada com os seus produtos de renome e tradição e sempre ali muito saboreados e apreciados.


Terça-feira 14.2 2017 (às07h30) TMG)

Foto Eleição
- Loriga Fevereiro 2017 -

Espetacular foto que aqui destaco na minha Página e que merece ser uma das "Fotos de Eleição - Loriga Fevereiro 2017", que descortinei nas redes sociais, que mostra uma parte da vila de Loriga galardoada com um arco-íris, que dá uma imagem de rara beleza e fascinante, ao mesmo tempo nos diz que o fotógrafo da ocasião estava lá e clicou e fez este belo retrato.

Resta acrescentar que esta foto é da autoria do nosso amigo
António Pereira, tirada ontem (segunda-feira), pelas 17H00, que prostrou na Net para o mundo visionar e que nos cumpre aqui saudar e dar os Parabéns.


Domingo 12.2 2017 (às17h30) TMG)

Projeto
- Heróis da Fruta -

O projeto ' Heróis da Fruta', é promovido pela APCOI - Associação Portuguesa Contra a Obesidade Infantil - junto dos alunos dos jardins-de-infância e das escolas do 1.º Ciclo do Ensino Básico de todo o país. Heróis da Fruta de Seia precisam dos votos.

Está aberta a competição mais saudável do ano. Três estabelecimentos de ensino do concelho participam no concurso
'Heróis da Fruta', que pretende sensibilizar a população para a importância de uma alimentação saudável, derivada do consumo de fruta.
De entre as escolas que se candidataram ao programa, Seia será representada pelo Jardim de Infância de Tourais, a
EB1 de Loriga e o Jardim de Infância do Centro Paroquial de Seia.
A votação para eleger os 80 Hinos finalistas de 2017 já começou. Os 'Heróis da Fruta' de Seia precisam do seu voto. Até ao último minuto do dia 10 de março, ajude a eleger as crianças do concelho.

Para conhecer os hinos do concelho a concurso e votar, aceda a: http://www.heroisdafruta.com/


Sábado 11.2 2017 (às09h30) TMG)

A Neve
- Desceu ao povoado -

Muitas e belas fotos prostradas na Net e assim as redes sociais nos dão conta da neve a visitar Loriga, que vestida de noiva a tornam de uma beleza inconfundível, com as árvores, roseiras e outros arbustos a curvam-se ao receberem tão ilustre visita, os passos das pessoas que passam nas ruas, ficam marcados, primeiros bem definidos, depois em sulcos compridos talvez porque os não possam erguer. Nas fontes a água copiosamente cai, a neve a ela se junta, tornando-a ainda muito mais gelada e mais cristalina.

Foto José Gabriel Garcia - 10.Fevereiro2017

***

Foto António Duarte Marcos - 10.Fevereiro2017

Cai a Neve levemente .... *

Olho através da vidraça
Está tudo da cor do linho
Passa gente e quando passa
Seus passos imprime e traça
Na brancura do caminho

Fico olhando estes sinais
Da pobre gente que passa
E noto por entre os mais
Uns traços minaturais
Duns pezinhos de criança

É uma infinita tristeza
Uma funda turbação
Entra em mim e fica presa
Cai neve na Natureza
E cai no meu coração

* Em www.loriga.de


Sexta-feira 10.2 2017 (às16h30) TMG)

Association les Amis dos Loriguenses
- Festa de Carnaval -

No próximo dia 28 de Fevereiro, a comunidade loriguense no Luxemburgo, vai festejar o seu carnaval, uma organização a cargo da Association les Amis dos Loriguenses, mais um convívio de confraternização da gente de Loriga e amigos da nossa terra, que assim num clima de amizade, tem também como objetivo mais uma ação de solidariedade, desta feita em prol da associação Aide (Aux Enfants Handicapés du Grand-Duché), o que é sempre de saudar tal eventos e que me prezo aqui registar.

Esta festa de Carnaval 2017, tem inicio pelas 19 horas e vai ser realizada na localidade de Rumelange, café Salle Verainshaus 57, situado na rue Betty Weber, onde não faltará grande animação e muita música.


Quinta-feira 9.2 2017 (às17h15) TMG)

Recordar
Pedro Mendes Fernandes

Recordar Pedro Mendes Fernandes, o "Pedro da Lapa" como assim era conhecido no meio loriguense, que acabamos de ver partir desta terra dos vivos, é poder aqui fazer uma singela homenagem a uma pessoa que admirei, um verdadeiro artista que numa mestria impressionante a manejar com um torno e não só, fazia coisas decorativas e com muita imaginação só ao alcance dos artistas.
Assim, recordando aqui nesta minha página este nosso conterrâneo, reproduzo uma anotação que fiz sobre ele, quando um dia estivemos juntos numa Festa Sportinguista no recinto da Nossa Senhora da Guia, ao mesmo tempo expressando. Até um dia caro Pedro, Descanse em Paz
.

"Pedro Mendes Fernandes, de 74 anos popularmente conhecido por "Pedro da Lapa" é na verdade um génio na arte de trabalhar com o torno. Torneiro de profissão esteve também alguns anos radicado na África do Sul, para onde tinha emigrado na ideia de uma vida melhor.
Num recente encontro que tivemos com ele, venho a reparar nos trabalhos que vai executando à mão ou recorrendo ao torno, fazendo artigos decorativos onde desponta a imaginação e ao mesmo tempo uma misteriosa idealização de um trabalho de verdadeira perfeição, que é digno de admirar.
Nesta foto aqui reproduzida em madeira podemos ver uma esfera movimentada dentro de um octógono onde não se visionando uniões, nos leva a imaginar um certo mistério numa criatividade de um trabalho perfeito de elevado espírito de bem-fazer.
Sei que já fez várias exposições, no entanto, muitos outros trabalhos ainda não foram divulgados o que espero com oportunidade fotografar, para mais tarde aqui colocarmos na divulgação de um trabalho que vale a pena visionar".

www.loriga.de - Agosto 2010


Quarta-feira 8.2 2017 (às17h00) TMG)


Faleceu
Pedro Mendes Fernandes

Faleceu hoje (quarta-feira) no hospital da Guarda, Pedro Mendes Fernandes, de 80 anos de idade, (21.3.1936) conhecido no meio loriguenses por o "Pedro da Lapa"

O funeral vai ser realizado amanhã (quinta-feira) pelas 16H30 em Loriga, onde será sepultado no cemitério local

À família de luto os mais sentidos pêsames


............................. (às07h30) TMG)

Loriga Vila Lusitana

Loriga e os loriguenses saíram engrandecidos no projeto do Orçamento Participativo, que temos por direito todos saudar - VIVA LORIGA


Segunda-feira 6.2 2017 (às16h00) TMG)

Padre João António Gonçalves Barroso
- Bodas de Prata Sacerdotais -

Celebrou no passado dia 2 de Fevereiro as suas Bodas Sacerdotais o Revo. Padre João António Gonçalves Barroso, Pároco da Paróquia de Loriga, atualmente Arcipreste de Seia acumulando outras paróquias do concelho, como Alvoco da Serra, Cabeça, Sazes da Beira, Valezim, Teixeira, Vide, Sabugueiro, S. Tiago e Carragosela, desempenhando ainda as funções de Assistente Diocesano do Departamento da Infância e da Adolescência do Secretariado Diocesano da Educação Cristo.

João António Gonçalves Barroso é natural de Orjais (Covilhã) onde nasceu em 26 de Novembro de 1965. Foi ordenado Sacerdote no dia 2 de Fevereiro de 1992 e é pároco na nossa terra desde 20 de Outubro de 2002. Vinte e cinco anos de dedicação apostólica que se deve registar e que aqui saúdo com os meus Parabéns, desejando-lhe muitas felicidades e muita saúde na continuação do seu grande trabalho em prol do evangelho e da doutrina da Igreja.


Domingo 5.2 2017 (às17h00) TMG)


Sábado 4.2 2017 (às18h00) TMG)

Recordar
Joaquim Martins Pina
(17.7.1934 - 2.2.2017)

Recordar aqui o meu irmão Joaquim Martins Pina, é falar do primeiro filho dos nossos pais, José Nunes de Pina e de Aurora Lopes Macedo, nascido no Bairro de S. Ginês, um recanto de Loriga e pelo qual o meu irmão tinha também uma Paixão especial.
Teve uma infância igual a todas as crianças da época, na escola primária teve um super desempenho, que o fez distinguir de outras crianças. Assim que terminou a escola primária foi de imediato para empregado do único e primeiro café em Loriga, do qual era proprietário o senhor António Machado, que se situava na garagem do prédio do
"Zé Maria" como é assim foi sempre conhecido esse imóvel.
Como também acontecia com a maioria das crianças na época, quando terminavam a escola, não tardou que rumasse para Lisboa na companhia do nosso pai, onde teve uma adolescência não muito fácil e tal como muitos outros jovens,
comeu o pão que o diabo amassou, como se costuma dizer na gíria popular.
Ainda relativamente muito novo, decorria o ano de 1957, quando foi para o Brasil mandado ir pelos meus padrinhos e tios, recordo que partiu de barco e enquanto durou a viagem, todas as noites por volta da meia-noite, com a minha mãe e mais família, lá íamos todos rezar à capela da Nossa Senhora da Guia, só terminando este ritual, quando era recebida a notícia que já estava no Brasil. Na época em Loriga, era assim um procedimento muito comum no seio das famílias, quando um dos familiares partia de viagem para o Brasil.
Não foi fáceis os seus primeiros anos no Brasil, foi um lutador e foi muito determinado a enfrentar os percalços que lhe foram aparecendo, tinha uma força interior extraordinária que o não fazia desanimar, sofreu para poder vencer. Só voltou a Portugal 10 anos depois de ter partido, recordo que foi uma festa quando chegou, nessa altura já toda a nossa família estava a viver na Amadora.
De regresso ao Brasil e enfrentando uma nova contrariedade, resolveu arriscar e colocar de parte o medo, decidindo enveredar sozinho por um novo rumo, lutou muito e padeceu, a sua vontade era grande de superar, colheu assim os seus frutos tornando-se anos mais tarde num conceituado comerciante, muito reconhecido em Belém do Pará.
Muito chegado a toda a família, que amava como ninguém, era uma referência e muito querido e adorado por todos, com uma sempre boa presença e disposição que nos contagiava a todos, o mesmo acontecendo no meio dos amigos que com facilidade granjeava a estima e consideração de todos aqueles que tiveram o privilégio de o conhecer.
Apesar de mais de setenta anos fora da sua terra natal e vivendo muito longe, tinha um fascínio por Loriga que o distinguia, era um verdadeiro bairrista como poucos, atrevo-me mesmo a dizer que era daqueles loriguenses dos
"sete costados", como se costuma dizer na gíria popular, vezes sem conta visitou a sua querida terra, nomeadamente, com mais frequência nestes anos mais recentes que não faltava de maneira alguma, principalmente à festa da Nossa Senhora da Guia.
Muito católico e praticante, foi o que mais herdou com essa dádiva da nossa mãe, o que aliás foi sempre assim e desde muito novo, contavam os nossos país que ainda muito criança tinha um queda para fazer procissões lá por casa e pelo Beco de S. Ginês, que por vezes os vizinhos tinham hábito de dizer que o
"Quinzito" devia dar um bom padre.
Muito devoto e com muita fé na Nossa Senhora da Guia, muitas vezes me disse que era a Ela que muitas vezes recorreu para ter forças para enfrentar as contrariedades da vida, nunca faltou às festas realizadas em honra desta Virgem, que os emigrantes brasileiros cognominaram a Padroeira dos Emigrantes, quer nas festas realizadas em Belém ou quando estava em Loriga.
Pessoa de trato fácil e de uma bondade absoluta, muito amigo para com todos aqueles que o rodeavam, sempre disponível para causas em prol dos outros, foi durante muitos anos muito ativo e muito contribuiu no meio do associativismo, passou como diretor por vários organismos em Belém - Pará, nomeadamente, pelo Centro Loriguense de Belém - Pará. Ainda no passado ano de 2015, foi homenageado pelo Grémio Literário e Recreativo Português, pelos seus 56 anos de associado, no qual se registou como sócio dois anos depois de ter chegado ao Brasil, sem dúvida um registo assinalável.
Em 2001, sofre um rude golpe na vida, com o falecimento inesperado da sua amada esposa Isabel, também loriguense, com o apoio da família, dos amigos e a enorme fé que tinha para com Nossa Senhora da Guia, foi aos poucos superando esse infortúnio, na verdade um rude golpe e de grande preocupação para todos nós familiares, sendo de registo aquela sua grande força que teve para o conseguir ultrapassar.
Tinha-mos por hábito todos os anos por esta altura do ano, começarmos a planear as nossas idas no verão a Portugal, este ano não fugiria à regra, parecia até entusiasmado em poder estar em Portugal mais cedo, para poder assistir ao centenário das Aparições de Fátima, como assistiu quando da comemoração dos Cinquenta anos, tinha este ano um enorme desejo de assistir agora ao Centenário, que infelizmente já não pode concretizar esse seu desejo.
O meu irmão Joaquim, era já um dos poucos naturais e genuínos de Loriga, da vasta comunidade loriguense que chegou a existir nesta grande cidade de Belém do Pará, bem ao norte do Brasil, ainda há pouco me tinha dado uma relação com os nomes que se reduziam apenas a 21 loriguenses.
Na passada quinta-feira dia 2 de Fevereiro, já se não levantou muito bem, também derivado a uma gripe que o apoquentava, foi levado ao hospital e já lá teve uma alteração súbita de saúde, de imediato tive logo conhecimento da situação e do que se estava a passar, situação que teve o seu agravamento não conseguindo então superar e pouco depois faleceu.

Mesmo compreendendo que a vida é assim mesmo e por vezes sem se esperar, foi um choque para todos nós familiares, apoderando-se de nós um sentimento de angústia que nos faz meditar mais uma vez e nos vem ao pensamento os planos, os sonhos, tudo isso numa vida que afinal é apenas uma passagem, o meu irmão partiu, deixou-nos fisicamente mas vai continuar sempre, mas sempre junto de nós.
Loriga vê também partir desta vida um seu filho que mesmo levando uma vida longe dela, a amava e a tinha sempre presente no seu coração, no próximo verão se lá chegarmos para mim já será diferente, não será igual a muitos outros, tenho que me resignar por esta vontade sublime de Deus, pois a vida é assim mesmo.
O funeral foi realizado na cidade de Belém do Pará, a sua terra de opção, foi sepultado no cemitério "Recanto da Saudade" desta cidade, repousa agora junto da sua adorada esposa, onde passou a ser a sua última morada, nesta terra dos vivos.
Até um dia Joaquim quando nos voltarmos a encontrar. DESCANSA EM PAZ.


Quinta-feira 2.2 2017 (às20h00) TMG)



Faleceu
Joaquim Martins Pina

Faleceu hoje (quinta-feira) dia 2 de Fevereiro, em Belém do Pará Brasil onde residia, meu irmão, Joaquim Martins Pina, de 82 anos de idade, (17.7.1934) após uma súbita alteração de saúde.

O funeral vai ser realizado sexta-feira em Belém do Pará Brasil, onde vai ser sepultado no Cemitério Recanto da Saudade

A minha família em Luto


.................... (às15h00) TMG)

Um olhar por Loriga
- Finalmente retirado o Espelho danificado -

Em tempos quando estive em Loriga, mais concretamente em Setembro passado, numa minha rubrica escrita aqui nesta minha página, com o título "O desleixo impera em Loriga" denunciei a seguinte desmazelo:

-Foto 2 - O espelho situado no local histórico conhecido por "Praça" encontra-se partido há mais de um ano, para quando a sua reparação por quem tem direito, mais um caso de desmazelo num local em que o espelho para o trânsito é bem necessário"

Sei agora que ao fim de quatro meses de ter denunciado essa situação, o referido espelho de trânsito danificado, foi finalmente dali retirado, suponho que será para recolocação de um novo ou simplesmente foi de lá retirado definitivamente.
Na altura que alertei esse caso, alguns iluminados me disseram que não era preciso estar ali o espelho, portanto não ser necessário, pois bem, se não é ali preciso e não era necessário, o que leva a estar ali um espelho de trânsito danificado mais de um ano dando assim uma imagem de desmazelo e confirmando assim aquilo que vou dizendo
"O desleixo impera em Loriga".
Por outro lado, ao ser agora retirado dali esse espelho depois de mais de um ano danificado, suponho eu e muitas mais pessoas, que será para ser colocado um outro novo???, pois bem, vamos então esperar, mas pelo que estamos habituados em Loriga quando algo se tira difícil é voltar a repor, vamos pois esperando sentados e que esse dia nunca não venha acontecer. Por isso, temos por dever estar atentos o que da minha parte o vou fazer, independente de muitos não gostarem que diga o que me custa ver como loriguense, quando vejo o continuado
"Desleixo a imperar em Loriga".

Foto - Setembro 2016

Foto - Janeiro 2017


Quarta-feira 1.2 2017 (às10h00) TMG)

III Aniversário
- Da Association les Amis dos Loriguenses -

Realiza-se no dia 16 de Abril próximo, a celebração do 3º. Aniversário da fundação da Association les Amis dos Loriguenses no Luxemburgo, com um convívio de confraternização a realizar na localidade de Niederkorn - Home St. Josephil, 37, rue Paul Eyschen.

Está pois de parabéns esta Associação Loriguense sediada no Luxemburgo, pela passagem de mais um aniversário da sua fundação, que mesmo ainda apenas com três anos, tem-se distinguido na preservação de uma união comunitária e solidariedade, que prestigiam Loriga e a sua comunidade radicada no Luxemburgo.